PUBLICIDADE

Prefeito de Ribeirão Preto, SP, pede desculpas após passar fim de semana de fase restritiva em resort na região de Araraquara

Por AGORA CIDADES em 31/05/2021 às 13:03:45
Com escalada de casos da Covid-19 e saúde sobrecarregada, cidade fechou supermercados e comércio. Imagens viralizaram nas redes sociais e causaram indignação entre moradores. Prefeito de Ribeirão pede desculpas após passar fim de semana de "lockdown" em resort

O prefeito de Ribeirão Preto (SP), Duarte Nogueira (PSDB), pediu desculpas após passar o fim de semana da fase emergencial restritiva, que prevê o fechamento de supermercados e comércios no município, em um resort na região de Araraquara (SP).

A declaração foi feita durante coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira (31), e veio após um vídeo do chefe do Executivo sentado em uma mesa no hotel, ao lado de uma mulher, viralizar nas redes sociais e causar indignação entre moradores (assista acima).

"Talvez eu não devesse ter ido mesmo, e peço desculpas àqueles que sentiram ofendidos por essa minha ação. Mas, sem dúvida alguma, a gente tem que reconhecer com humildade quando a gente erra, e dizer que errou, ser sincero na nossa manifestação e procurar corrigir essas coisas para frente, fato que farei, sem dúvida alguma, daqui para frente", afirmou.

Nogueira disse ainda que as reservas para a viagem estavam feitas há mais de um mês, e "calhou que o dia coincidisse com a mudança da fase restritiva emergencial de Ribeirão Preto". Ele afirmou ter seguido todos os protocolos sanitários estabelecidos pela fase laranja do Plano São Paulo, na qual a região de Araraquara está inserida.

"Estando lá, eu segui todos os protocolos sanitários da região de Araraquara de fase laranja, e cumpri os protocolos que lá estavam. Mas nesse um ano e três meses de pandemia, eu acho que não tem nenhuma pessoa no mundo, principalmente os dirigentes de qualquer nação, estado ou cidade, que possa ter errado ou acertado", destacou.

Vídeo que mostra prefeito em resort viralizou nas redes sociais

Reprodução/EPTV

Flexibilizações

Durante a coletiva, o prefeito também anunciou, nesta segunda-feira (31), a prorrogação da fase emergencial restritiva contra a Covid-19 por mais dois dias. A partir de quinta-feira (3), porém, a cidade inicia um processo gradual de flexibilização rumo à fase de transição do Plano São Paulo.

Nesta terça (1º) e quarta-feira (2), está mantido o fechamento das atividades econômicas, que inclui supermercados e comércio. Contudo, será liberada a entrega de refeições para alunos da rede municipal. O transporte público, por sua vez, segue suspenso até 6 de junho.

Desde quinta-feira (27), quando a cidade entrou na fase mais restritiva de circulação, a média de ocupação nas unidades de terapia intensiva (UTI) foi de 93,88%. Só nesta segunda, o índice chega a 95,6%, com 307 pacientes internados em 321 leitos oferecidos em hospitais públicos e privados.

Especialistas ouvidos pelo G1 disseram que a falta de ações coordenadas na região, considerada um possível novo epicentro da doença no estado de São Paulo, pode não gerar os resultados necessários para conter a transmissão do coronavírus. Isso porque enquanto parte dos municípios tenta reduzir o fluxo de pessoas por períodos diferentes, outra parte mantém a circulação.

Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão Preto e Franca

VÍDEOS: Tudo sobre Ribeirão Preto, Franca e região

Fonte: G1

Comunicar erro
REALIZE

Comentários