PUBLICIDADE

Bovespa opera em queda com decisão de aumentar tributação de bancos

Na segunda-feira, principal índice da bolsa subiu 0,27%, a 110.334 pontos.

Por André Nasi Mtb 90.544/SP em 02/03/2021 às 12:25:39

A bolsa de valores brasileira, a B3, opera em queda acentuada nesta terça-feira (2), com os investidores reagindo à decisão do presidente Jair Bolsonaro de zerar impostos federais sobre diesel e gás de cozinha, medida que será compensada pelo aumento da Contribuição Social sobre Lucro Liquido (CSLL) de instituições financeiras como os bancos.

Ao mesmo tempo, as expectativas do mercado giravam em torno das discussões em torno da PEC emergencial.

Às 11h26, o Ibovespa tinha queda de 1,68%, a 108.476 pontos. Mais cedo, chegou a recuar mais de 2%. Veja mais cotações.

As ações dos bancos estavam entre as principais quedas: Bradesco recuava mais de 1%, enquanto Banco do Brasil e Itaú caíam perto de 0,50%. As ações da Petrobras também eram destaque, caindo mais de 4%.

"Ontem o governo anunciou a queda do PIS/COFINS sobre combustíveis, substituindo pelo aumento da CSLL de bancos que passará em julho de 20% para 25% e de corretoras, seguradoras e cooperativas que será de 20%, ao invés dos 15% atuais. Simples assim, enquanto setores de lobbies fortes seguem imutáveis", afirmou em nota Alvaro Bandeira, sócio e economista-chefe do banco Modalmais.

Na segunda-feira, a bolsa fechou em alta de 0,27%, a 110.334 pontos. A semana passada fechou com queda de 6,93%, e o mês de fevereiro terminou com tombo de 4,21%. Na parcial do ano, o Ibovespa cai 7,3%.

Fonte: G1

Comunicar erro
REALIZE

Comentários